quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Agressões sem sentido, alterações sem ouvido, palavras reativas: sinto que me perdi nesse vão, triste. Que amor é esse? Respira, levanta, seca as mágoas, passa um belo momento na boca, e supera... porque algo pela frente te espera. Algo me diz que a luta não é em vão...(c.p.)





A de ser..
serena a vida
A de se ter...
Seriedade... e avidez já que aqui ela é unica...
A de ser 'as claras: se for escolher vive-la: então não deixe ela escapar entre os dedos dos instantes, só se esses forem válidos para eternidade.
Assim sim... leve... 


quinta-feira, 18 de março de 2010

Um ao Quadrado





Um encontro acidental
Um café para dois?
Uma conversa...
Um gole de poesia!
O acaso das palavras;
Saudade do tempo que se viveu.

domingo, 14 de março de 2010


A memória falha - Foi a primeira vez que estive aqui? quando foi?
Me recordo da pipa que comprou como quem quisesse relembrar a infância ou somente satisfazê-la naquele insante que a viu ali tão livre, sem amarras, como criança, como quem pudesse voar.
E voou...